sexta-feira, 23 de julho de 2010

Pressentimento


composição: Elton Medeiros e Hermínio Bello de Carvalho

Ai ardido peito
Queira entender o seu segredo
Queira posar em seu destino
E depois morrer de teu amor.

Ai mais quem virá
Me pergunto a toda hora
E a resposta é o silêncio
Que atravessa a madrugada.

Vem meu novo amor
Vou deixar a casa aberta
Já escuto os teus passos
Procurando o meu abrigo.

Vem que o sol raiou
Os jardins estão florindo
Tudo faz pressentimento
Que esse é o tempo ansiado de se ter felicidade.

Um comentário:

Eu disse...

às vezes seria bom saber o futuro. Quando escrevi este post, cheia de expectativa do novo, acabei me reconciliando com o passado. Droga