segunda-feira, 2 de agosto de 2010

Será que é o fim?


Como um trânsito astrológico, o Exercício da Mente está chegando ao fim. O Exercício foi uma jornada de descoberta.

Tenho muitos assuntos para escrever, mas por aqui não faz mais sentido. O ciclo terminou, dois anos passaram.

Comecei escrevendo recém casada e infeliz no meu emprego. Termino o blog, sem relacionamento e uma grande promoção na minha carreira. Não troquei as minhas prioridades, é só a vida que vai acontecendo sem dar bola para os planejamentos e prioridades. E sequer imaginei no passado, este presente.

Neste diário virtual, de um pretexto de escrever pra exercitar, descobri a mim. O que mais ansiava a minha alma. Foi muito difícil, abri mão de muitas coisas, mas ganhei tantas outras.

Mas analisando friamente, o blog foi importante para analisar meu casamento. A angústia de não estar feliz e não saber o motivo. De tentar esconder a minha identidade e escrever sobre a vida conforme eu gostaria que ela fosse.

Uma das minhas últimas postagens, falo do Exercício de não falar do casamento. Foi a partir dali, que percebi que não ia conseguir. Aqui neste blog coloquei nas entrelinhas a constatação da morte de um amor e toda angústia disso. Passei por todas as fases: não saber, ter certeza, tomar a difícil decisão, começar uma nova vida e ver o que resta de si próprio após o fim de uma relação.

A última fase do blog foi a minha virada. Uma tentativa de aprender a viver só. Só teve coisas grandes: paixões e conquistas profissionais. Vivi com intensidade. Alguns diziam que eu estava exagerando.

O caos externo era necessário para então chegar ao meu equilíbrio interno.

Como uma ostra, transformei meus grãos de areia em pérolas. E fiz um belo colar.

A decisão de acabar com o blog é romper com meu passado (o último rompimento), para seguir adiante. Terei um novo lugar pra exercitar minha mente, talvez acabe abordando assuntos parecidos com o "exercício", porque o que escrevo, sou eu. Mas preciso deste rito.

Alcancei o meu objetivo de escrever bem com este cantinho. Sou uma escritora mais confiante. Aprendi que redigir me acalma e organiza meus pensamentos. E descobri que escrevendo sou melhor do que falando.

Deixarei aqui o endereço do meu novo blog e lá terá minhas novas aventuras. Espero que meus poucos seguidores, continuem me lendo.

3 comentários:

Grafite disse...

que lindo!
adorei aqui...

beijjo,
*.*

Marina disse...

Partindo daqui para te acompanhar no outro blog. Beijos!

disse...

cheguei atrasada aqui mas ainda bem que tem endereço de blog novo. to correndo pra la
bjao